terça-feira, 1 de março de 2011

enquanto o sol foi lua
fiquei sem o azul da Paz
nesta eclipse tua
dou-me.... na paixâo que me dás

30 comentários:

Sonhadora disse...

Meu querido

Como sempre lindo...o teu luar me ilumina...os teus versos me fazem sonhar.

Beijinho com carinho
Sonhadora

Poetiza disse...

Braulio, tu poema eclipsa el alma. Te dejo un beso a la distancia, cuidate.

Graça Pires disse...

Um amor que morre. Outro amor que nasce. Mais profundo, Nais verdadeiro...
Um beijo, amigo.

Graça Pires disse...

Quis dizer mais verdadadeiro...

Lilá(s) disse...

A paixão que é alimento...
Muito lindo
Bjs

© Piedade Araújo Sol disse...

a paixao numa simples quadra.

um beij

RELTIH disse...

UFFFFFFFF, TREMENDO, DELICADO Y ROMÁNTICO PENSAMIENTO.
UN ABRAZO

MAR disse...

La pasión y el amor una buena mezcla poetica.
PRECIOSO COMO SIEMPRE.
Besos con todo mi cariño.
mar

Mariz disse...

Querido amigo,

Fico encantada em ver como vc transcreve o sente de uma forma muito especial.

Uma novo azul sempre vai estar esperando por vc.

beijo grande!

Poetiza disse...

Braulio, que belleza de sentir el de tu alma amigo. Hermoso poema. Besos, cuidate.

Secreta disse...

:)

entrelosrincones disse...

HOLA MI AMIGO!!!

CUANTAS EXPRESIONES EN POCAS PALABRAS. REALMENTE BELLO!

TE DEJO MIS SALUDOS

Poetiza disse...

Braulio, gracias amigo por la amistad. Te dejo un beso, cuidate.

Parole disse...

Que lindo... Enquanto o sol não vem, entrega-se à paixão da lua...

Beijinhos meus.

Primavera disse...

Mientras que la luna sea nuestra confidente
existira nuestro amor
Primavera

Filoxera disse...

Amor com amor se paga...
Beijinhos.

Magia da Inês disse...

Amiga,
Agora, só alegria!...
Feliz Carnaval!!!
♫♫.•*¨*•♫♫¸
ღ°ºBrasil♫º
♥º

Fabrício Santiago disse...

Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Fabrício e cheguei até vc através do Blog "relacionamento, vida e cotidiano". Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir meu blog Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. Estou me aprimorando, e com os comentários sinceros posso me nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs



Narroterapia:

Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.


Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.


Abraços

http://narroterapia.blogspot.com/

De Amor e de Terra disse...

Olá Braulio, bom dia.
Obrigada pela sua visita lá em casa.
Gostei muito de aqui vir. Para mim, os dizeres do povo ou ao seu jeito, sabem mais a verdade.
Abraço
Maria Mamede

Fabrício Santiago disse...

Gosto desses versos pequenos e cheios de luz!
Abraços

Secreta disse...

Beijito.

MTeresa disse...

Un placer leer tus versos
entrañables y amorosos,
una alegría entrar en tu sitio,
un abrazo

Mariz disse...

Vim te deixar um carinhoso beijo e agradecer pelo carinho de tuas palavras.

Sonhadora disse...

Meu querido

Deixando beijinhos e carinhos para ti.

Sonhadora

AnaMar (pseudónimo) disse...

Lindo! Vou passar mais vezes....

Parole disse...

Um beijo de um lindo dia.

;)

¡¡¡Llego Primavera !!! disse...

Entre letras hay amor
amor hay en ti
Primavera

Mª Jesús Verdú Sacases disse...

Lindos poemas los tuyos.

Añoraba visitarte.

© Piedade Araújo Sol disse...

beijinho

São disse...

Poeminha lindo...

Abraço