quinta-feira, 24 de setembro de 2009

acordei...

o meu silencio é para ti..
vento muito vento..
amor adormeci..
acórda-me de um lamento..

10 comentários:

Graça disse...

E por vezes o silêncio diz tanto.

Um sorriso para a tua noite, querido Braulio... e um beijo meu.

♥ Sussy* disse...

Holaaa! wow q lindas palabras*
Amigo* eres lo maximo, te dejo un beso y un saludo grandeee cuidate hasta pronto.

angela disse...

Não lamente, tem um amor pra lhe acordar
beijos

Braulio Pereira disse...

olá graça querida.

diz muito diz tudo
num olhar..num sorriso

o meu sorriso com carinho para ti.

beijo-te ternura..

Braulio Pereira disse...

woooooooo hola corazon

gracias cielo...
sussy..eres un sol..
preciosa..

un abrazo con carinho.

cuidate pasion..

hasta pronto disfruta.. vive.. ama..

Braulio Pereira disse...

angela olá

sim tenho essa fortuna .

adoro ter amigas.

voces sao o meu despertar..

beijos....

"re" disse...

O silêncio, por vezes, faz mais barulho do que um toque de um sino estridente.
Suas rimas são bailarinas, que não se esgotam no ato de criar.
Es silêncio, por isso és poeta.

Um belo dia pra ti

Besos

orkide@ disse...

Olá Braulio!!
Lindo como sempre...
Bom fim de semana!

Bj

Braulio Pereira disse...

olá linda flor..
orquidia..
com teu perfume..

inunda-me de ardor..

bom fim de semana..


beijos...

Braulio Pereira disse...

" re"

olá ternura..
uma vez mais..

bebi agua com sabor a ti..

tanta sede da tua agua bebi..

feliz noite entre sedas e amores..

beijos paixao...